Assalto

Funcionários da Prosegur assaltados a carregar multibanco em Paredes

Funcionários da Prosegur assaltados a carregar multibanco em Paredes

Dois homens encapuzados e armados invadiram, esta quarta-feira, a sede da Junta de Freguesia de Cete, Paredes, para assaltarem o funcionário de uma empresa de segurança que procedia ao carregamento de uma máquina multibanco com dinheiro.

A dupla ainda ameaçou dois elementos do Executivo daquela Autarquia, antes de fugir com uma mala cheia de dinheiro e com a ajuda de um terceiro elemento que aguardava num carro estacionado na rua junto ao edifício.

A carrinha da Prosegur parou à porta da Junta de Freguesia cerca das 16.30 horas. Tal como é hábito, um dos seguranças manteve-se ao volante da viatura e o colega transportou uma mala com dinheiro até ao interior do edifício para reabastecer o multibanco. "Ele estava há cerca de cinco minutos a carregar a máquina quando dois homens chegaram", descreve Américo Almeida Ferreira, de 80 anos, tesoureiro da Junta de Cete.

Américo estava, juntamente com a secretária da Autarquia, na sala que dá acesso à ATM e logo foi ameaçado por um dos assaltantes. "Apontou a caçadeira para o chão e disse-nos para estarmos quietinhos. Depois ficou à nossa beira", recorda. Enquanto isso, o segundo indivíduo dirigiu-se ao segurança e obrigou-o a colocar na mala todo o dinheiro que já tinha introduzido no multibanco. "Depois, fugiram os dois pela porta principal, mas não se dirigiram para a entrada da Junta. Saltaram o muro e entraram num carro que estava parado na rua", refere Américo Almeida Ferreira.

Nesta altura, uma funcionária da Junta, uma técnica da segurança social e uma utente já se tinham refugiado numa das salas do edifício. Ninguém ficou ferido.

ver mais vídeos