Premium

Furto de scooter condena ao isolamento idosa com mobilidade reduzida

Furto de scooter condena ao isolamento idosa com mobilidade reduzida

Helena Correia, de 83 anos, ficou sem a sua scooter elétrica preparada para pessoas de mobilidade reduzida, depois de esta ter sido furtada em pleno centro de Lisboa.

A viatura desapareceu quando estava parada na rua, sem chave na ignição, enquanto a idosa foi levada a casa pela filha.

Sem a scooter, Helena não consegue deslocar-se e vê-se obrigada a ficar confinada à própria habitação. O apelo lançado pela família para que o veículo, com um valor comercial a rondar os 1200 euros, seja devolvido por quem o furtou, gerou uma onda de revolta nas redes sociais. Muitos são os amigos e familiares da vítima que condenam um ato classificado como de "pura maldade".

ver mais vídeos