Premium

Grupo traficava no Bairro do Aleixo apenas das 9 às 17 horas

Grupo traficava no Bairro do Aleixo apenas das 9 às 17 horas

Organização criminosa de 26 indivíduos tinha horário de "expediente". Vendas alargaram-se a Viana, Vila Real, Braga, Coimbra e Leiria.

Era uma organização criminosa constituída por 26 indivíduos e conhecida por grupo Falcão. Dominava o tráfico de droga no Bairro do Aleixo, no Porto, mas tinha uma característica especial: trabalhava todos os dias mas só entre as 9 e as 17 horas. Foram acusados pelo Ministério Público (MP) e vão ser julgados em breve.

Mónica Almeida, 42 anos, e Tiago Almeida, 35 anos, irmãos e residentes naquele bairro, eram os chefes de um grupo que foi investigado durante mais de três anos pela PSP. Assim, foi possível detetar uma hierarquia bem definida, com os líderes no topo da pirâmide, controlando apenas três ou quatro subalternos de confiança que, por sua vez, serviam de elo de ligação com a base da organização, constituída por vendedores, angariadores, "vigias" e clientes.