PJ

Homem detido por provocar incêndio no centro de Faro

Homem detido por provocar incêndio no centro de Faro

Incêndio ocorreu em casa ocupada por indigentes no centro da cidade após uma disputa por um quarto. Detido, de 37 anos, tem antecedentes criminais por ofensas à integridade física.

A Polícia Judiciária (PJ), através da Diretoria do Sul, deteve um indivíduo suspeito de ter intencionalmente provocado um incêndio numa residência devoluta em pleno centro da cidade de Faro, anunciou aquela força policia esta quarta-feira.

Segundo um comunicado da PJ, existem "fortes indícios, de, na noite do passado dia 06 de maio, cerca das 20 horas, o detido ter ateado, por ignição direta, um incêndio numa habitação que estava a ser ocupada por indigentes".

Na origem do ato criminoso estará "uma altercação com um dos moradores pela disputa do mesmo quarto".

A PJ frisa que "só a pronta intervenção dos bombeiros impediu que as chamas se propagassem para as habitações contíguas, pondo, contudo, em perigo os bens patrimoniais e a vida dos outros residentes".

O detido, de 37 anos de idade, sem qualquer atividade profissional e com antecedentes policiais pelo crime de ofensas à integridade física, vai ser presente a interrogatório Judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

Imobusiness