Crime

Homem mata mulher a tiro e suicida-se dentro de casa em Famalicão

Homem mata mulher a tiro e suicida-se dentro de casa em Famalicão

Um casal morreu, este domingo de manhã, em Famalicão. Confirmam-se a suspeita de homicídio seguido de suicídio, em contexto de violência doméstica.

Um homem de 61 anos matou a companheira a tiro, este domingo de manhã, em Famalicão, e suicidou-se de seguida, apurou o JN, junto de fonte policiais.

O alerta foi dado cerca das 9 horas da manhã deste domingo. Ao chegarem à habitação, na rua de Penices, em Gondifelos, Famalicão, os bombeiros encontraram José Ribeiro ainda com vida, no chão da sala. Foram feitas manobras avançadas de suporte de vida, mas a vítima, de 61 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu já na ambulância.

A mulher, Otília Castro, de 56 anos, estava já sem vida à chegada dos bombeiros. Foi encontrada na escadaria da casa e terá tido morte imediata.

Ambos divorciados, viviam juntos naquela casa há alguns anos. José, ex-emigrante na Venezuela, trabalhava como picheleiro. Otília era empregada numa confeção. Tinham três cães, que foram levados para o canil municipal.

As vítimas apresentam ferimentos consistentes com agressão com arma de fogo. As autoridades estão a investigar e consideram ser forte a hipótese de se tratar de um homicídio seguido de suicídio, em contexto de violência doméstica.

Após o alerta foram mobilizados para o local meios dos Bombeiros Voluntários Famalicenses e da GNR de Vila Nova de Famalicão, num total de 11 operacionais e seis viaturas.

O caso está a ser investigado pela Polícia Judiciária do Porto.