Vila Real

Homem que degolou companheira por ciúmes ficou preso

Homem que degolou companheira por ciúmes ficou preso

O homem com cerca de 50 anos, suspeito de degolar a antiga companheira, em Vila Real, vai aguardar julgamento em prisão preventiva. O arguido foi ouvido, esta segunda-feira, por um juiz de instrução criminal. À chegada ao Tribunal de Vila Real foi vaiado por populares que se juntaram no local.

A vítima, de 33 anos, foi esfaqueada várias vezes pelo companheiro, domingo de madrugada, no bairro da Telheira, em Parada de Cunhos, Vila Real. A vítima, que sofreu ferimentos graves, foi atacada no interior do apartamento, mas conseguiu libertar-se do homem e fugir para o exterior. O agressor seguiu-a e degolou-a à porta do prédio.

Os ciúmes e a dificuldade em ultrapassar o fim da relação com a mulher, de quem se separou há alguns meses depois de uma relação de seis anos, terão levado o homem a perder a cabeça. Pegou numa faca e agrediu a mulher, com quem tem uma filha de três anos que estava em casa à hora do crime.