Lisboa

Idosa entregou 1200 euros a burlões que enganaram com falso acidente

Idosa entregou 1200 euros a burlões que enganaram com falso acidente

Uma mulher de 79 anos entregou 1200 euros a um casal que a acusou de ter culpa num acidente que nunca existiu. A quantia já foi recuperada pela PSP e devolvida à vítima.

A situação será o caso mais recente de um esquema que, desde o início do ano, já fez pelo menos 30 vítimas só na cidade de Lisboa.

De acordo com o Comando Metropolitano de Lisboa (Cometlis) da PSP, os suspeitos enganaram a idosa com "uma história de um alegado acidente no qual teria de pagar os danos causados na viatura dos mesmos". Pressionada pelo casal, a "vítima acabou por levantar várias quantias em dinheiro e entregar as notas que tinha na sua posse" aos presumíveis burlões, num total de 1200 euros.

O montante foi entretanto restituído à idosa e uma mulher de 22 anos - que terá atuado com o seu companheiro - foi identificada.

Em comunicado, o Cometlis reitera o apelo para que qualquer pessoa "que seja interveniente num acidente de viação, no qual não se tenha apercebido, chame as autoridades competentes ao local e denuncie sempre que seja vítima de burla ou de tentativa de burla". "O conhecimento das situações é essencial para uma eficaz investigação", conclui.