Montemor-o-Velho

Jovem morto após rixa tinha lesões na cabeça

Jovem morto após rixa tinha lesões na cabeça

O resultado preliminar da autópsia a um jovem que morreu na manhã do último domingo, horas depois de se ter envolvido numa rixa, na vila de Montemor-o-Velho, indica que a vítima sofreu lesões na cabeça.

Leonardo Queda, de 18 anos, andou à pancada numa festa e regressou pelo seu pé a casa, em Santo Varão, mas veio a ser encontrado morto pela manhã, na sua cama.

Embora ainda não tenha concluído o relatório da autópsia, o Instituto de Medicina Legal já adiantou à Polícia Judiciária que as lesões detetadas no crânio da vítima podem ter sido consequência de traumatismo recente. Mas daqui a concluir que aquelas lesões foram a causa da morte do jovem ainda vai um longo caminho. "A autópsia não é muito conclusiva", comentou fonte policial ao JN, na expectativa de que a realização de alguns exames complementares possa ajudar.

Caso se venha a provar que o jovem morreu de facto por causa daquelas lesões, poderá ser necessário identificar o autor dos golpes que as produziram. O que também não é encarado pela PJ como uma tarefa fácil. Na noite de sábado para domingo, Leonardo começou por chegar a vias de facto com outro indivíduo, por causa da namorada deste, nas festas de Montemor-o-Velho, e voltaria a confrontar-se, mais tarde, com o mesmo oponente e já com o envolvimento de outros, de parte a parte.

A Judiciária já estará a par da identidade de vários dos envolvidos na rixa, mas, a meio da tarde de ontem, ainda não tinha ouvido nem constituído como arguido nenhum deles.

Em tese, numa situação deste tipo, dificilmente alguém é acusado de homicídio. A acusação mais provável é por um crime de ofensa à integridade física, que, pelo resultado da morte, pode remeter para uma moldura penal com um limite máximo acima dos dez anos de prisão.

Mas o Código Penal também prevê o crime de "participação em rixa", que é menos comum mas pode adequar-se à situação registada em Montemor. "Quem intervier ou tomar parte em rixa de duas ou mais pessoas, donde resulte morte ou ofensa à integridade física grave, é punido com pena de prisão até dois anos ou com pena de multa até 240 dias", manda a lei.

O funeral de Leonardo Queda realizou-se ontem de manhã.

ver mais vídeos