Football Leaks

Justiça francesa negoceia imunidade de Rui Pinto

Justiça francesa negoceia imunidade de Rui Pinto

A Justiça francesa está a negociar com Portugal a possibilidade de conceder imunidade a Rui Pinto a fim de ajudá-la nas investigações sobre corrupção no futebol, avança o jornal The Guardian.

Numa reportagem sobre o caso Football Leaks a propósito da extradição do jovem da Hungria para Portugal, o jornal diz que a investigação à alegada corrupção nos votos dos Campeonatos Mundiais de Futebol de 2018 e 2022 é mais grave que o crime contra a Doyen de que Rui Pinto é acusado em Portugal.

Recorde-se que Rui Pinto começou a ser investigado em Portugal em 2015 por suspeita de ter roubado os segredos da Doyen Investment Sports, um fundo de investimento no futebol, bem como de contratos de jogadores.

No alegado ataque ao Sporting, Rui Pinto terá sido o autor da divulgação dos contratos dos futebolistas Marcos Rojo e Labyad e do treinador Jorge Jesus publicados na Internet. O mundo do futebol ficou então a saber, por exemplo, que Jesus tinha um salário de cinco milhões de euros anuais a que poderia somar mais dois milhões caso se sagrasse campeão nacional.

É, por agora, o único suspeito de ter revelado os e-mails do Benfica. Divulgada por Francisco J. Marques, no Porto Canal, a informação estará na origem de vários processos judiciais.

Imobusiness