Setúbal

Ladrão matou ladrão em confronto de grupos que pilhavam a mesma quinta

Ladrão matou ladrão em confronto de grupos que pilhavam a mesma quinta

Dois grupos de ladrões que estavam a furtar numa herdade em Palmela, Setúbal, envolveram-se em confrontos que resultaram num morto e num ferido grave.

O assassino e o irmão conseguiram fugir e só foram apanhados nove meses depois. O Tribunal da Relação de Évora confirmou agora a condenação a 12 anos e meio de prisão do homicida.

Por coincidência, na noite de 15 de março de 2014, dois grupos diferentes decidiram pilhar a mesma herdade, em Olhos de Água, Palmela. Dois irmãos pretendiam roubar as chapas metálicas do teto de um picadeiro. O outro grupo, composto por dois cunhados e um sobrinho, queria peças de um jipe ali parado.

Quando o trio entrou na herdade, os dois irmãos já estavam a retirar chapas do telhado. Vendo-os a roubar, os três identificaram-se como sendo da Polícia Judiciária e ordenaram que descessem. Depois de alguma relutância, o mais novo dos irmãos, então com 35 anos, acedeu.

Ler mais na edição impressa ou epaper.