Exclusivo Edição Impressa

Líder de grupo violento que assaltava multibancos apanhado na Galiza

Líder de grupo violento que assaltava multibancos apanhado na Galiza

Cabecilha de oito assaltantes a caixas multibanco integrou grupo que, em 2001, matou inspetor da PJ. Vivia em Espanha e roubava em Portugal.

Dezassete anos depois do envolvimento no caso da morte de inspetor João Melo, o caminho de "Zé Gordo" voltou a cruzar-se com o da Polícia Judiciária (PJ) do Porto.

Este antigo elemento do gangue dos Ferreiras é um dos oito membros de um grupo envolvido em assaltos à mão armada a carrinhas de transporte de valores aquando do abastecimento de caixas multibanco (ATM) e múltiplos roubos de viaturas de luxo. Tudo com proveitos a ultrapassar meio milhão de euros.

Leia a nossa Edição Impressa ou tenha acesso a todo o conteúdo no seu computador, tablet ou smartphone assinando a versão digital aqui

ver mais vídeos