Investigação

"Nunca enganei ninguém", diz Pardal Henriques

"Nunca enganei ninguém", diz Pardal Henriques

"Estou tranquilo, nunca enganei ninguém nem cometi qualquer burla", diz Pardal Henriques, questionado pelos jornalistas sobre uma investigação que corre no Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Lisboa e confirmada, quarta-feira, pela Procuradoria-Geral da República.

"Aguardo para ser notificado e estranho que, uma vez mais, os jornalistas tenham sido notificados antes do visado", acrescentou o porta-voz do Sindicato Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP).

Pardal Henriques disse que a questão da investigação não é nova e recordou que já havia sido noticiada em abril, aquando da greve anterior promovida por aquele sindicato. "Nessa ocasião, fui ao DIAP para saber se havia alguma investigação sobre mim, porque qualquer um de nós pode ser alvo de uma queixa, e fui informado de que não havia nada", disse.

"Nunca fui notificado de qualquer investigação", disse Pardal Henriques. "Parece-me que há uma campanha para afastar as pessoas do essencial, que é a luta dos motoristas", acrescentou o vice-presidente do SNMMP.

"Continuamos focados nesta causa, que é legítima e a lutar por quem está nesta situação há 22 anos", acrescentou.