Escola Segura

PSP deteve 25 traficantes junto a escolas

PSP deteve 25 traficantes junto a escolas

Em apenas 16 dias, a PSP deteve 25 pessoas que vendiam droga nas imediações de 353 escolas de todo o país. Durante o mesmo período, e no âmbito da operação "Escola Segura: início do ano letivo 2018/19", a Polícia também apreendeu quatro armas, uma das quais de fogo.

A iniciativa, que mobilizou 3887 agentes, foi aproveitada ainda para sensibilizar 14292 alunos para as consequências de crimes como o tráfico de droga e posse ilegal de arma, mas também para os cuidados a ter no trajeto percorrido entre casa e o estabelecimento de ensino.

Foi a própria PSP que, em comunicado, anunciou que, entre 12 e 28 de setembro, realizou 1016 operações de fiscalização junto a escolas de todo o território nacional. Essas ações mobilizaram 3877 agentes, que controlaram 16736 viaturas e emitiram 4600 autos por falta de seguro, ausência de inspeção, excesso de velocidade e ainda pelo uso de telemóvel durante a condução. Foram passadas multas igualmente devido à falta de uso do cinto de segurança, não utilização do dispositivo de retenção de criança e estacionamento irregular.

A PSP detetou, de igual modo, 15 estabelecimentos a vender bebidas alcoólicas a menores de 18 anos e as já referidas 25 pessoas a vender droga. Fonte oficial da PSP confirma ao JN que nenhum dos detidos era aluno das escolas fiscalizadas, mas que aproveitavam a existência de uma grande quantidade de jovens em locais específicos para traficar cocaína, heroína e haxixe, substâncias ilegais que foram apreendidas. Apreendidas foram ainda uma arma de fogo, uma faca e outros dois objetos considerados armas. Duas das pessoas que estavam na posse destas armas foram detidas.