Premium

Quase quatro mil idosos agredidos em três meses

Quase quatro mil idosos agredidos em três meses

Não param de aumentar os casos de violência contra idosos. Só a Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV) tem registado, "nos últimos anos", um acréscimo de 30% de denúncias.

No ano passado, foram relatadas três situações por dia. Mas à PSP chegaram muitas mais, uma média de 44 casos por dia. Segundo a APAV, na maior parte dos casos, o agressor ou é um filho ou um cuidador, o que leva a crer que "as cifras negras são bem maiores do que se possa imaginar".

Os dados da PSP, a nível nacional, são negros. Nos primeiros três meses do ano, foram abertos 3684 processos de violência contra idosos, tendo sido identificadas 3778 vítimas. No ano passado, a PSP sinalizou 16 206 idosos vítimas de violência, o que corresponde a uma média de 44 idosos por dia. Foram abertos 15 997 processos. O que leva a Procuradoria-Geral da República (PGR) a ter uma "particular" atenção sobre o problema.