O Jogo ao Vivo

Gondomar

Senhorios não podem proibir cães em casas arrendadas

Senhorios não podem proibir cães em casas arrendadas

Relação do Porto decidiu manter animal por ajudar bem-estar dos donos.

O Tribunal da Relação do Porto decidiu a favor de uma inquilina que queria manter um cão numa habitação, apesar de ter assinado um contrato de arrendamento que impedia a presença deste tipo de animais de companhia. Para os desembargadores, o animal "reveste-se de importância no seio da família" e por isso consideraram nula a cláusula contra o animal.

Leia mais na edição e-paper ou na edição impressa.

Leia a nossa Edição Impressa ou tenha acesso a todo o conteúdo no seu computador, tablet ou smartphone assinando a versão digital aqui