O Jogo ao Vivo

Aveiro

Suspeito confessa assalto a bombas de gasolina e nega envolvimento do irmão

Suspeito confessa assalto a bombas de gasolina e nega envolvimento do irmão

Um homem confessou no Tribunal de Aveiro ter assaltado à mão armada um posto de abastecimento de combustíveis, em Ílhavo, negando que o seu irmão, que aguardava dentro de um carro no exterior, tenha estado envolvido no caso.

"Foi uma ideia minha. O meu irmão não sabia de nada", disse o arguido, durante a primeira sessão do julgamento.

O suspeito referiu ainda que, antes do assalto, os dois tinham estado a beber "bastante" e tinham tomado ansiolíticos, porque não tinham dinheiro para comprar droga. "Estava um bocado bêbado e muito alterado", afirmou.

Os dois irmãos de 34 e 38 anos são suspeitos de terem assaltado à mão armada em maio de 2018, o posto de abastecimento de combustíveis na A25, em Ílhavo.

Enquanto o irmão mais velho permaneceu no interior da viatura, o outro entrou no estabelecimento munido com uma pistola de ar comprimido e fugiu com 90 euros que se encontravam na caixa registadora.

Acabaram por ser detidos nessa mesma noite pela GNR, em casa, quando se encontravam a consumir cocaína que tinham comprado com o dinheiro roubado.

Os dois arguidos, que se encontram detidos, estão acusados de um crime de roubo e outro de falsificação de documento.

O irmão mais velho responde ainda por mais cinco crimes de roubo, um dos quais na forma tentada, ocorridos entre janeiro e abril de 2018.

Entre as vítimas dos assaltos estão um espanhol e um casal de namorados que se encontravam a passear nos passadiços na praia da Barra, a quem o arguido terá roubado 54 euros, num caso, e cinco euros, noutro, sob ameaça de uma pistola de ar comprimido.

A acusação do Ministério Público refere ainda que o arguido assaltou uma gelataria na Barra e um taxista, tendo conseguido apoderar-se de um total de 190 euros. O suspeito também terá tentado roubar um segundo taxista, mas este conseguiu afastá-lo e sair do táxi, dizendo que não tinha dinheiro nenhum.