Premium

Suspeito de 200 crimes detido após perseguição da GNR

Suspeito de 200 crimes detido após perseguição da GNR

"Crispim", um dos elementos do duo suspeito de ter cometido mais de 200 crimes, nos últimos meses, em Aveiro e Porto, foi novamente detido.

O toxicodependente, de 38 anos e residente em Aveiro, ainda tentou fugir, num carro furtado, a uma perseguição da GNR dos Carvalhos, mas foi apanhado em Grijó, Vila Nova de Gaia. "Sucateiro", o comparsa de todos os crimes, fugiu.

"Crispim" será esta terça-feira levado a tribunal, depois de ter passado os últimos três dias detido no posto dos Carvalhos, e os militares temem que volte a ser libertado. Isto porque ainda na semana passada, e apesar de ser suspeito de mais de duas centenas de furtos, abastecimentos de combustível com fuga sem pagar, falsificação de matrículas, condução perigosa e sem habilitação legal, foi, juntamente com "Sucateiro", mandado embora pelas autoridades judiciárias para, passados poucos minutos, voltar a furtar mais um carro.