Operação

Telemóveis e barras de ferro apreendidos em buscas na cadeia do Linhó

Telemóveis e barras de ferro apreendidos em buscas na cadeia do Linhó

Operação fiscalizou 33 celas desta cadeia de Cascais. Neste mês já foram feitas duas rusgas no mesmo estabelecimento prisional.

Uma rusga a 33 celas da cadeia do Linhó, em Cascais, levou à apreensão de 13 telemóveis, diversos carregadores, cartões e um auricular. Uma faca construída artesanalmente, duas barras de ferro e quatro gramas de droga foram igualmente apreendidas, durante uma operação em que foi detetada a quebra de selos de segurança em televisões e consolas de jogos. Estes aparelhos eletrónicos são permitidos nas cadeias, mas os seus proprietários não podem violar os selos que são colocados quando estes entram nos estabelecimentos prisionais. A quebra do selo de segurança é, normalmente, sinónimo que os aparelhos foram usados para introduzir droga e outros objetos proibidos na prisão.

Segundo a Direção-Geral de Reinserção e Serviços Prisionais, a "busca seletiva a 33 espaços celulares" teve lugar entre as 21 e as 24 horas desta quarta-feira e envolveu "elementos do corpo da guarda prisional do Estabelecimento Prisional do Linhó e do Grupo de Intervenção e Segurança Prisional (GISP)", que foram apoiados por binómios cinotécnicos (GOC)". "Esta ação decorreu sem que se tivesse verificado qualquer tipo de incidentes e os reclusos em cuja posse foram apanhados os objetos e bens ilícitos serão objeto do procedimento disciplinar e/ou criminal previstos na lei", acrescenta fonte oficial da DGRSP.

A rusga às celas efetuada está inserida, segundo a DGRSP, "no trabalho de prevenção e combate à entrada e circulação de produtos e bens ilícitos em contexto prisional" e teve lugar na "sequência ao trabalho realizado em busca anterior" na mesma cadeia. Recorde-se que no dia 13 deste mês uma operação semelhante, em 40 celas, levou à apreensão de 14 telemóveis, duas seringas, 25 comprimidos e cinco garrafas de bebidas alcoólicas artesanais, entre outros itens proibidos.