Exclusivo Edição Impressa

Investigado "saco azul" de 2,5 milhões de euros no Braga

Investigado "saco azul" de 2,5 milhões de euros no Braga

Ministério Público abriu inquérito-crime por alegadas faturas falsas e pagamentos sem fatura. Suspeitas à volta de "comissões", "bruxo" e "políticos".

O Ministério Público abriu um inquérito-crime para investigar a suposta existência de um "saco azul" na SAD do Sporting de Braga, denunciada num documento em que são indicados cerca de 2,5 milhões de euros em transações sem fatura ou com faturas falsas. Fonte da Procuradoria-Geral da República confirmou ao JN a instauração de um processo no Departamento de Investigação e Ação Penal de Braga, estando o caso sob investigação.

Leia a nossa Edição Impressa ou tenha acesso a todo o conteúdo no seu computador, tablet ou smartphone assinando a versão digital aqui

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG