Exército

Jornal espanhol divulga inventário do material furtado em Tancos

Jornal espanhol divulga inventário do material furtado em Tancos

O jornal "El Español" divulgou, este domingo, o inventário de "algum" material furtado na base militar de Tancos.

O Exército anunciou que foi detetada na quarta-feira, ao final do dia, a violação dos perímetros de segurança dos Paióis Nacionais de Tancos, através do arrombamento de dois paiolins, que resultou no roubo de equipamento militar.

O jornal "El Español" divulgou, este domingo, o suposto inventário do material roubado:

- 1450 cartuchos de 9 mm;
- 22 Bobinas de fio para ativação por tração;
- 1 Disparador de descompressão;
- 24 Disparadores de tração lateral multidimensional inerte;
- 6 Granadas de mão de gás lacrimogéneo CS / MOD M7;
- 10 Granadas de mão de gás lacrimogéneo CM Anti-motim M / 968;
- 2 Granadas de mão de gás lacrimogéneo Triplex CS;
- 90 Granadas de mão ofensivas M321;
- 30 Granadas de mão ofensivas M962;
- 30 Granadas de mão ofensivas M321;
- 44 Granadas foguete antitanque carro 66 mm com espoleta M4112A1 com lançamento M72A3 --M/986 LAW;
- 264 Unidades de explosivo plástico PE4A;
- 30 CCD10 (Carga de corte);
- 57 CCD20 (Carga de corte);
- 15 CCD30 (Carga de corte);
- 60 Iniciadores IKS;
- 30,5 Lâminas KSL (Lâmina explosiva).

Segundo a mesma fonte, a lista agora revelada está a circular pelos organismos europeus de combate ao terrorismo e revela apenas "algum" material furtado naquela base militar.

Recorde-se que tal como o JN noticiou, a Unidade Nacional Contra-Terrorismo (UNCT) da Polícia Judiciária, a Polícia Judiciária Militar e os serviços secretos estão em estado de alerta, pois já há a certeza de que o ato criminoso tem por trás o crime organizado, com eventuais ligações ao terrorismo.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG