O Jogo ao Vivo

Amadora

Mãe julgada por mutilação genital da filha

Mãe julgada por mutilação genital da filha

O Ministério Público requereu o julgamento de uma mulher pelo crime de mutilação genital feminina, na Amadora, no início de 2019. A vítima foi a própria filha da suspeita, nascida em 2017.

Segundo um comunicado da Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa (PGDL), entre 4 de janeiro e 15 de março, a mãe da menina cortou a região vulvar da menor com um objeto de natureza corto-contundente.

A PGDL frisa que não havia qualquer indicação médica em virtude de doença ou patologia clínica para tal ato que provocou na menor "dores, lesões e sequelas permanentes e aptas a afetar a fruição sexual daquela".

A arguida encontra-se a aguardar o julgamento em liberdade.

Outras Notícias