O Jogo ao Vivo

Exclusivo

Mais de 1220 armas ilegais entregues à Polícia em três meses

Mais de 1220 armas ilegais entregues à Polícia em três meses

Período para a entrega voluntária de armas sem penalizações criminais vai até 23 de junho deste ano.

Aos 82 anos, um oficial do Exército na reforma escolheu o dia 5 de maio para se dirigir ao Departamento de Armas e Explosivos (DAE) da PSP, em Lisboa, e entregar uma Kalashnikov, que guardava em casa desde o fim das campanhas militares em África. Fê-lo para evitar, como confessou, problemas aos familiares após a sua morte, uma vez que a posse desta arma de guerra é ilegal.

Contudo, o octogenário, mesmo admitindo a propriedade da Kalashnikov, não será alvo de multa ou penalização criminal. Isto porque a devolução da pistola, também conhecida por AK47, foi efetuada no âmbito do período extraordinário de entrega de armas, criado pelo Governo em 24 de fevereiro deste ano e que se estende até 23 de junho.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG