Exclusivo

Mais de 30 juízes já foram afastados dos tribunais

Mais de 30 juízes já foram afastados dos tribunais

O juiz Rui Fonseca e Castro, conhecido pelas suas posições anticonfinamento e de negação da pandemia da covid-19, foi demitido de funções pelo Conselho Superior da Magistratura (CSM).

É o 33.º juiz a ser expulso por razões disciplinares desde 2005. A sanção, aplicada por unanimidade, tem efeito imediato, mas Fonseca e Castro pode ainda tentar anulá-la junto do Supremo Tribunal de Justiça. Ainda ontem, já depois de ser conhecida a decisão, cerca de 150 pessoas desfilaram, lideradas pelo magistrado, por Lisboa (ler texto na página seguinte).

Em comunicado, o CSM adianta que foram três as infrações que justificaram a demissão de Fonseca e Castro, que estava colocado no Tribunal de Odemira. Desde o logo, o facto de ter faltado ao trabalho, sem justificação, em nove dias consecutivos. A ausência aconteceu entre 1 e 13 de março deste ano e implicou, lê-se na nota, "o adiamento de audiências de julgamento já agendadas".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG