SEF

Médico emitia atestados falsos para imigrantes receberem vistos

Médico emitia atestados falsos para imigrantes receberem vistos

Um médico de 53 anos, da zona de Lisboa, foi constituído arguido pelo SEF por suspeita dos crimes de auxílio à imigração ilegal, usurpação de funções e falsificação de documentos.

O arguido é suspeito de emitir atestados médicos falsos que depois eram usados por cidadãos estrangeiros para receber ou renovar autorizações de residência com o argumento de que necessitavam de assistência médica prolongada o que impedia o seu retorno ao país de origem.

Na quinta-feira, o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) realizou buscas no domicílio e na viatura utilizada pelo suspeito, tendo apreendido documentação física e digital relacionada com os crimes pelos quais está indiciado.

PUB

O médico, residente na zona de Lisboa, foi constituído arguido por suspeita dos crimes de auxílio à imigração ilegal, usurpação de funções e falsificação de documentos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG