PJ

Menor inventou violação em São Mamede de Infesta para chamar a atenção da família

Menor inventou violação em São Mamede de Infesta para chamar a atenção da família

A jovem de 16 anos que denunciou ter sido violada, ao final da tarde de sábado passado, em São Mamede de Infesta, Matosinhos, não foi atacada.

Segundo apurou o JN, a menor, que disse ter sido atacada por um homem com idade entre os 30 e os 40 anos quando percorria uma rua na zona do Monte dos Burgos, estará a atravessar um momento de maior vulnerabilidade, tendo inventado a violação para chamar a atenção da família.

Depois de, cerca das 19 horas do sábado passado, ter dado o alerta à PSP, relatando ter sido arrastada por um homem para um jardim próximo, onde teria sido forçada a manter relações sexuais com o alegado suspeito, a jovem foi socorrida pelos Bombeiros de São Mamede Infesta e transportada para o Centro Materno Infantil do Norte.

O JN sabe que os exames hospitalares realizados não encontraram indícios de violação e a Polícia Judiciária, que tomou conta da ocorrência, verificou informações contraditórias nos interrogatórios à jovem.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG