Crime

Morte de cidadão holandês no Algarve está a ser investigada pela PJ

Morte de cidadão holandês no Algarve está a ser investigada pela PJ

As circunstâncias em que ocorreu a morte de um cidadão holandês em Vila do Bispo, no Algarve, estão a ser investigadas pela Polícia Judiciária (PJ), afirmou este sábado à Lusa fonte da Guarda Nacional Republicana (GNR).

De acordo com fonte da GNR, um homem com 60 anos foi encontrado no dia 21 de maio, em casa, situada numa zona isolada em Barão de S. Miguel, no concelho de Vila do Bispo, distrito de Faro, onde residia sozinho, após ter sido dado o alerta por um vizinho que afirmou não o ver "há já vários dias".

A GNR iniciou as diligências com o intuito de o localizar, tendo-se deslocado à sua residência onde encontrou "a porta arrombada" e, no seu interior, "o recheio mexido e claros sinais de violência".

Os militares encontraram a vítima "já sem vida, na cama e com visíveis ferimentos na face".

Devido aos sinais de violência e à suspeita de homicídio, foi contactada a PJ para "a preservação do local e dos vestígios".

Nas informações fornecidas pelo vizinho à GNR, o homem terá sido visto pela última vez numa festa, "no fim de semana anterior à sua morte", e foi a ausência da vítima que o levou a contactar a força policial.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG