Penafiel

Movido por ciúmes agredia e controlava todos os movimentos da mulher

Movido por ciúmes agredia e controlava todos os movimentos da mulher

O Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) de Penafiel deteve um homem, de 59 anos, por violência física e psicológica contra a sua mulher, no concelho de Penafiel, distrito do Porto, informou a GNR.

A Guarda apurou que "o suspeito, movido por ciúmes excessivos, controlava os movimentos da vítima, sua mulher de 57 anos, com quem estava casado há cerca de 41 anos".

Em comunicado, esclarece que, "durante o matrimónio, o suspeito impedia a vítima de manter relações de amizade com outras pessoas, isolando-a socialmente, dirigindo-lhe ainda diariamente ofensas físicas e psicológicas, através de puxões de cabelos e pontapés nas pernas, bem como ofensas verbais e humilhações constantes".

PUB

Num dos últimos episódios de violência, "o agressor, com recurso a uma faca de cozinha, ameaçou a vítima de que lhe ia cortar o pescoço, provocando-lhe medo e receio pela própria vida, motivos que a levaram a pedir o divórcio".

A GNR acrescenta que "após o pedido de separação, o agressor passou a adotar uma postura mais agressiva, violenta e imprevisível, factos que levaram à sua detenção".

O detido foi já ouvido no Tribunal de Instrução Criminal de Penafiel, que como medida de coação decretou a proibição de contactar a vítima por qualquer forma ou meio ou por interposta pessoa, controlado por pulseira eletrónica.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG