Matosinhos

Mulher acusada de matar marido em contexto de violência doméstica

Mulher acusada de matar marido em contexto de violência doméstica

Uma mulher de 52 anos foi acusada pelo Ministério Público da prática de um crime de violência doméstica agravado pelo resultado morte. Agrediu o companheiro, de 38 anos, com um vaso na cabeça e depois deu-lhe três facadas na perna e no pé, acabando a vítima por falecer.

Segundo o Ministério Público, desde o ano de 2017, a mulher e o companheiro "vivam uma relação análoga à dos cônjuges marcada por frequentes episódios de violência física e verbal recíprocos, em contexto de consumos excessivos de álcool".

O crime ocorreu no início da noite de 26 de setembro de 2021, na casa do casal na Rua das Austrálias, em Matosinhos. Durante mais um episódio de violência, a mulher agrediu o companheiro "no crânio com um vaso de plástico e, com uma faca de cozinha, desferiu-lhe três golpes na perna direita e pé esquerdo, e ainda atirou uma peça em cerâmica ao corpo do ofendido".

A acusação diz que em consequência das perdas hemorrágicas sofridas com as lesões e do estado de alcoolizado em que estava, "a vítima sofreu um evento arrítmico o qual, associado às demais patologias de que padecia, lhe causou a morte".

No passado dia 22 de março, o Ministério Público na SEIVD do Porto (2ª secção Diap Regional) deduziu acusação contra a arguida que se encontra presa preventivamente e o Ministério Público requereu a atribuição de uma indemnização aos familiares da vítima.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG