Lisboa

Mulher que vandalizou Padrão dos Descobrimentos é estrangeira e saiu do país

Mulher que vandalizou Padrão dos Descobrimentos é estrangeira e saiu do país

A Polícia Judiciária identificou uma cidadã estrangeira como a autora do grafito no Padrão dos Descobrimentos, em Lisboa. A suspeita do crime de dano qualificado já se terá ausentado do país.

Após assumir a investigação, elementos da PJ conseguiram atribuir o ato de vandalismo recentemente praticado no Padrão dos Descobrimentos a "uma cidadã estrangeira, que já terá praticado atos da mesma natureza similar noutros locais e que, entretanto, se ausentou do território nacional".

Ao que tudo indica a autora do vandalismo será uma francesa com a alcunha de Lia. Segundo um comunicado da PJ, foram recolhidos vários elementos de prova e a investigação prossegue

PUB

Vandalizado no domingo

Recorde-se que o Padrão dos Descobrimentos, em Lisboa, foi vandalizado no passado domingo com um grafito numa das laterais do monumento.

Na mensagem, com cerca de 20 metros de comprimento, lê-se, em inglês, "Blindly sailing for monney [sic], humanity is drowning in a scarllet [sic] sea lia [sic]", o que, numa tradução livre, pode ser lido em português como "Velejando cegamente por dinheiro, a humanidade afunda-se num mar escarlate."

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG