Exclusivo

Navio que salvou migrantes usado para traficar haxixe

Navio que salvou migrantes usado para traficar haxixe

PJ faz balanço de operação com oito presos e 15 toneladas de haxixe apreendidas.

Um navio que pertenceu a uma organização não governamental de resgate de migrantes no Mediterrâneo foi utilizado por uma rede internacional para transportar 15 toneladas de haxixe. O barco foi modificado num estaleiro em Portimão, no Algarve, de onde viajou até Marrocos para carregar a droga. Foi intercetado ao largo de Huelva, em Espanha.

A rede foi investigada pela Guardia Civil espanhola, em colaboração com a Diretoria do Sul da Polícia Judiciária (PJ) e a Europol, e levou à detenção de oito homens. Segundo revelou ontem a PJ, o "Seefuchs", de fabrico alemão e com pavilhão holandês, foi detetado em Portimão em dezembro de 2020. Um mês antes tinha sido adquirido pelo grupo criminoso e levado para Portimão onde lhe alteraram a cor e aumentaram a capacidade de armazenamento.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG