Exclusivo

No Name Boys usavam SMS encriptadas nos ataques

No Name Boys usavam SMS encriptadas nos ataques

MP acusou 37 elementos dos "Casuals", um subgrupo violento de adeptos que apedrejou o autocarro do Benfica.

Uma tentativa de homicídio, agressões a adeptos rivais, uma emboscada a jogadores de futsal do Sporting, danos no Estádio da Luz e até o apedrejamento ao autocarro do Benfica que feriu os atletas Zivkovic e Weigl. Estes são apenas alguns dos 261 crimes que o Ministério Público (MP) imputa a 37 indivíduos ligados aos "Casuals", um subgrupo violento da claque No Name Boys, que combinaram alguns ataques por mensagens encriptadas, através da aplicação Telegram. Cinco dos arguidos estão em prisão domiciliária e um está em preventiva.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG