Exclusivo Edição Impressa

Oficiais da PSP promovidos "à revelia" do tribunal

Oficiais da PSP promovidos "à revelia" do tribunal

Quarenta e quatro subcomissários da PSP foram promovidos "à revelia" do Tribunal Administrativo e Fiscal do Porto que tinha proibido as promoções ao atender a uma providência cautelar.

O juiz mandou abrir um incidente processual que culminou com um processo-crime por desobediência. O Ministério Público deve agora averiguar se o Ministério da Administração Interna praticou um crime ao prosseguir com o concurso, apesar de ter alegado já não poder travar a publicação das promoções em "Diário da República" e também o superior interesse público.

Leia mais na edição e-paper ou na edição impressa

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG