Exclusivo

Onda de assaltos revolta moradores de Gaia

Onda de assaltos revolta moradores de Gaia

Quatro casas das ruas Mira Douro e Henrique Galvão, na freguesia de Mafamude, em Gaia, foram assaltadas só na quinta e sexta-feira. O flagelo, relatado por moradores ao JN, arrasta-se há meses.

Os suspeitos, ao que dizem as testemunhas, são um casal. Na quinta-feira à tarde, entraram pela porta num andar na Rua Mira Douro. O homem da casa tomava banho e a mulher, Anita, estava noutra divisão. Nenhum se apercebeu de nada, mas os assaltantes levaram uma carteira que estava em cima de um móvel.

Na madrugada seguinte, houve novo furto no mesmo prédio. Os ladrões entraram por uma janela do 2.º andar que estava aberta. Carla Olas dormia no sofá e acordou porque ouviu um barulho. Então, sentiu a sua gata muito tensa e reparou numas caixas abertas no corredor, que não tinha sido a própria a abrir. Sentiu também movimentos na varanda e, silenciosamente, desceu as escadas para a rua, para fugir. Quando já não havia sinais dos assaltantes, voltou a subir e verificou que lhe tinham levado o telemóvel, as chaves de casa, a carteira com dinheiro e os documentos. Foi à janela, quando os viu a fugir, e chamou-lhe "ladrões", ao que um deles respondeu: "O que foi? É a minha mulher".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG