Exclusivo

"Padre" Gama está em liberdade e voltou aos exorcismos

"Padre" Gama está em liberdade e voltou aos exorcismos

Suspeito de violar, está livre quatro meses depois.

O tribunal da Relação de Guimarães deu razão a Marcelino Humberto Gama e considerou insuficientes os indícios que justificaram a sua prisão preventiva decretada em dezembro do ano passado e confirmada em março pelo Tribunal de Vila Real. Os desembargadores mandaram libertar o ex-sacerdote sobre quem recaem suspeitas de ter abusado de uma emigrante que o procurou para ser "exorcizada".

A libertação do "padre" Gama, noticiada em primeira mão pelo JN, surpreendeu muita gente, nomeadamente no Tribunal de Vila Real e na Polícia Judiciária, que ainda não encerrou a investigação do caso da emigrante alegadamente violada por Gama, em casa deste, enquanto se sujeitava a um alegado "exorcismo", a 21 de dezembro passado.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG