Violência

Partiu a cabeça do marido com pau e ameaçou-o com faca

Partiu a cabeça do marido com pau e ameaçou-o com faca

Mulher e quatro homens detidos por violência doméstica pela GNR.

Cinco pessoas, quatro homens e uma mulher, foram detidos por violência doméstica nos dois últimos dias. A mulher, de 41 anos, foi vista pela GNR de Vinhais, Bragança, a bater no ex-marido, de 43 anos, com um pau e a tentar esfaqueá-lo, já com os militares presentes. A vítima sofreu ferimentos na cabeça e necessitou de receber tratamento hospitalar. A agressora foi libertada

Em Gondomar, um homem, de 33 anos, que estava obrigado a usar pulseira eletrónica por violência doméstica sobre uma antiga companheira, foi detido por agredir e coagir sexualmente a atual mulher, de 28 anos. O suspeito já tinha estado preso por bater na vítima, mas ela desistiu da queixa e ele foi libertado, rapidamente voltando às agressões. Ficou em prisão preventiva.

Em Tomar, a GNR deteve um indivíduo, de 38 anos, que insultava e agredia a mãe, de 68. Quando os militares chegaram ao local ainda o homem estava a insultar a vítima. Ficou com pulseira eletrónica e proibido de contactar e frequentar a casa da progenitora.

Noutras situações, em Fereira do Zêzere e em Santarém, foram detidos dois homens, de 45 e 60 anos, também pela GNR. O mais novo agrediu física e psicologicamente a mulher, de 34 anos, durante dez anos de casamento, chegando a ameaçá-la de morte. Em Santarém, o indivíduo ameaçava de morte com uma caçadeira a companheira, de 59 anos. Os detidos foram obrigados a abandonar a residência e proibidos de contactar com as companheiras. O mais velho será controlado por pulseira eletrónica.

Em Arouca, a GNR apreendeu duas caçadeiras a outro suspeito de violência doméstica.