Sousel

Pegou fogo à atual namorada que violou quando era criança

Pegou fogo à atual namorada que violou quando era criança

Baltazar José, de 69 anos, foi detido, terça-feira, por tentativa de homicídio, em Sousel, Portalegre, após ter pegado fogo a uma mulher de 33 anos, que violou há cerca de 20 anos, quando esta era criança, e que seria a sua atual companheira.

O suspeito terá ateado fogo à mulher na carpintaria de que é proprietário e posteriormente chamado a GNR, que encontrou a vítima embrulhada em cobertores no interior do edifício, propriedade do agressor, que residia no andar de cima.

A vítima, residente em Sousel, e trabalhadora numa superfície comercial em Estremoz, foi transportada para o Hospital do Espírito em Évora com 60% do corpo queimado e posteriormente enviada para o Hospital de São José, em Lisboa, encontrando-se fora de perigo.

Ainda antes do crime, o casal teve um acidente, quando regressava de Estremoz, onde Baltazar foi buscar a mulher ao trabalho, "por desconfiar que a mesma andava envolvida com outro homem", segundo revelaram populares ao JN.

Há cerca de 20 anos, a mulher tinha sido vítima deste homem por pedofilia. O agressor foi a julgamento e condenado a quatro anos, tendo cumprido metade do tempo, no Estabelecimento Prisional de Elvas.

Baltazar José está detido num posto da GNR, no Alto Alentejo, e será presente ao juiz do Tribunal de Fronteira, para aplicação das medidas de coação. Visto tratar-se de um crime contra a vida, as investigações passaram para a alçada da Polícia Judiciária (PJ) de Évora.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG