Coimbra

Pena suspensa para professor de natação por coação sexual de menor

Pena suspensa para professor de natação por coação sexual de menor

Um professor de natação de Góis foi condenado, esta quarta-feira, pelo Tribunal de Coimbra, a quatro anos de prisão com pena suspensa, por coação sexual a uma amiga da filha.

O homem, de 47 anos, está ainda impedido de trabalhar com menores por um período de seis anos.

A situação remonta a março de 2019, quando o homem terá apalpado a jovem, de 16 anos, e baixou as calças à sua frente.

O Tribunal considerou credível o testemunho da ofendida, tendo ainda apontado para vestígios de ADN do arguido no peito da jovem.

O arguido foi ainda condenado a pagar uma indemnização de 16 mil euros.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG