Exclusivo

Pirata informático português burlou agente infiltrado do FBI

Pirata informático português burlou agente infiltrado do FBI

Diogo Coelho recebeu dinheiro acordado, mas nunca enviou dados dos cartões prometidos. Jovem de 22 anos enfrenta extradição para os EUA e pode ser condenado a 52 anos de cadeia.

O jovem português que geria um dos maiores fóruns mundiais de pirataria e que foi detido em Londres está acusado de seis crimes pelos Estados Unidos da América. A acusação já foi validada por um tribunal da Virgínia que pede a sua extradição. Pode ser condenado a uma pena máxima de 52 anos de prisão.

Diogo Coelho, 22 anos, foi apanhado pelo FBI em várias transações ilegais de bases de dados pirateadas. Caiu em várias armadilhas montadas pelas autoridades norte-americanas e, em março de 2019, sem o saber, até burlou um agente infiltrado do FBI.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG