Crime ambiental

PJ assiste MP na investigação a relatório da Universidade de Évora

PJ assiste MP na investigação a relatório da Universidade de Évora

A Polícia Judiciária de Setúbal vai coadjuvar o Ministério Público na investigação ao estudo realizado pelo Laboratório de Ciências do Mar da Universidade de Évora a um derrame de fuel óleo no Porto de Sines em outubro de 2016.

A informação foi prestada esta tarde de sexta-feira ao JN por fonte oficial da Procuradoria Geral da República que avança que o inquérito se encontra em investigação e não tem arguidos constituídos.

Em causa está a suspeita de falseamento do estudo ambiental devido à forma como as amostras foram recolhidas após o derrame de 20 toneladas de fuel óleo por um navio da MSC Patricia no Terminal XXI, no Porto de Sines, tal como o JN avançou na edição desta sexta feira.

Outros Artigos Recomendados