Investigação

PJ deteve dois "Hells Angels" no Algarve

PJ deteve dois "Hells Angels" no Algarve

Membros do famoso grupo de motards são suspeitos de vários crimes e ficaram obrigados a apresentações periódicas às autoridades.

Segundo um comunicado divulgado esta sexta-feira, a Polícia Judiciária (PJ) concretizou a "detenção de dois cidadãos nacionais, associados à organização "Hells Angels Motorcycle Club" sobre os quais impendia mandado de detenção". As detenções ocorreram na quarta-feira.

Em causa estão factos suscetíveis de integrar a prática dos seguintes crimes: associação criminosa, homicídio qualificado, na forma tentada, roubo, ofensas à integridade física graves, ofensas à integridade física qualificadas e detenção de armas proibidas.

Os detidos foram apresentados quinta-feira ao TIC de Lisboa, tendo sido aplicada aos arguidos, cumulativamente, as seguintes medidas de coação: "o dever de apresentações periódicas no posto policial da área de residência, proibição de ausência para o Estrangeiro e de contactos com coarguidos, bem como de participarem em eventos motard e de exercício da profissão de segurança privada.

O inquérito corre termos no Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP) e o Ministério Público é coadjuvado pela Unidade Nacional Contra Terrorismo da Polícia Judiciária.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG