Operação

PJ deteve empresários que furtavam e vendiam viaturas de gama alta

PJ deteve empresários que furtavam e vendiam viaturas de gama alta

A Polícia Judiciária deteve três homens, com idades compreendidas entre os 28 e os 56 anos, por envolvimento num esquema de furto, falsificação de documentos e venda de viaturas de luxo. Foram apreendidas sete viaturas BMW, Porsche e Audi.

Os veículos, furtados nas zonas norte e sul do país, "eram canalizados para local recatado, onde seriam submetidos a alterações físicas e documentais, através de processos de falsificação, passando a circular com matrícula e documentos de outras viaturas idênticas nacionais", afirma, em comunicado, a PJ.

Além das sete viaturas apreendidas, a Policia Judiciaria encontrou inúmeros componentes daquelas mesmas marcas, que a investigação procura agora relacionar.

Os detidos, empresários, mas sem relação formal com a atividade do comércio e reparação automóvel, e sem antecedentes por este tipo de ilícitos, vão ser presentes à competente autoridade judiciária para primeiro interrogatório judicial e aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG