Premium

PJ prende empresário que lesou o Estado e andava de Ferrari

PJ prende empresário que lesou o Estado e andava de Ferrari

Chegou a ter um império de lojas e andava de Ferrari amarelo. Suspeito de insolvência dolosa e falsificação.

Um ex-empresário, dono de um império de lojas, em Faro, era procurado por dívidas de cerca de seis milhões de euros. António Martinez, de 60 anos, foi agora detido pela Polícia Judiciária (PJ) do Sul. Estava no Norte do país onde se tinha refugiado com uma identidade falsa. É suspeito dos crimes de insolvência dolosa e falsificação de documentos.

Martinez terá lesado o Estado, instituições bancárias, fornecedores e funcionários. Era um dos mais conceituados empresários da capital algarvia, onde tinha lojas na baixa, sobretudo de roupa, um restaurante e um stand de automóveis. Era também dono de outros estabelecimentos do ramo têxtil, calçado, eletrodomésticos e móveis em Olhão, Portimão e Lisboa. Quando as dívidas se acumularam, Martinez desfez-se do património, saiu do Algarve e mudou de nome.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG