Operação

Polícia Marítima apreende 600 quilos de amêijoa-japonesa no Barreiro

Polícia Marítima apreende 600 quilos de amêijoa-japonesa no Barreiro

A Polícia Marítima de Lisboa apreendeu 600 quilos de amêijoa-japonesa na zona ribeirinha de Palhais, no Barreiro. A ação decorreu na manhã de segunda-feira, dois dias antes da mega operação da GNR na praia do Samouco, em Alcochete, que resultou na apreensão de oito toneladas desta amêijoa cuja apanha é proibida devido ao perigo de saúde pública.

No Barreiro, a Polícia Marítima realizou a ação de fiscalização entre as 10.30 horas e as 16 horas e intercetou uma carrinha carregada com cerca de 600 quilos destes bivalves, já acondicionados no seu interior, sem os respetivos documentos de acompanhamento. É presumível que a viatura, onde foram apreendidos três crivos de calibragem dos bivalves, uma balança portátil, diversos sacos vazios para acondicionamento e embalagem dos bivalves, seguisse para o norte de Espanha, onde o produto seria tratado e introduzido no circuito comercial.

Nesta ação que contou com quatro elementos e uma viatura todo-o-terreno da Polícia Marítima foram intercetados e fiscalizados vários indivíduos ligados ao comércio de amêijoa-japonesa e apanhadores ilegais, em número não apurado. A captura deste tipo de bivalves, sem que os mesmos sejam sujeitos a depuração ou ao controlo higiossanitário, pode colocar em causa a saúde pública, caso sejam introduzidos no consumo, devido à possível contaminação com toxinas.