Premium

Polícias recém-formados obrigados a ir para Lisboa

Polícias recém-formados obrigados a ir para Lisboa

Todos os polícias recém-formados têm sido colocados, ao longo dos últimos anos, no Comando Metropolitano da PSP de Lisboa.

O objetivo é colmatar as necessidades do maior Comando do país e, simultaneamente, permitir que os agentes mais velhos sejam transferidos para perto de casa. Porém, mesmo com este reforço permanente, há quem espere mais de 20 anos para deixar a capital e passar para um Comando da sua área de residência.

A Direção Nacional da PSP admite "prazos de espera bastante alargados", mas para o Sindicato Independente e Livre da Polícia (SILP) o problema poderia ser resolvido, ou pelo menos minimizado, com uma reformulação da área de intervenção da PSP, o cumprimento das regras definidas para a pré-aposentação e com o fim da prioridade de colocação dada aos elementos da Unidade Especial de Polícia (UEP).

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG