Sporting

Podence relata ataque à Academia. "Qualquer passo que desse era mais uma chance para levar"

Podence relata ataque à Academia. "Qualquer passo que desse era mais uma chance para levar"

Daniel Podence relatou, esta quinta-feira, ao Tribunal de Monsanto o que assistiu no dia do ataque à Academia de Alcochete.

O avançado português estava ao lado de Misic no balneário quando este foi atingido com um cinto na cara, mas refere que o croata foi agredido só porque sim, já que os agressores tinham os seus alvos identificados.

"Entraram à procura do Rui Patrício, William Carvalho, Acuna e Battaglia, mas por quem passavam batiam", disse o futebolista, atualmetne ao serviço dos grefos do Olympiacos, numa ligação por Skype ao tribunal. "Estava ao lado do Misic que levou com o cinto na cara só porque sim, apanharam-no ali e pronto", referiu Podence ao coletivo de juízes, acrescentando que ficou com receio de ser também atingido.

Nas semanas seguintes ao ataque, Podence ficou com receio de novos ataques."Fiquei muito preocupado com a minha saúde ao passar por aquele momento. Nas três semanas a seguir, olhava pela fechadura da porta sempre que alguém chegava à minha casa e olhava pela janela para perceber quem estava na rua", contou o futebolista.

No dia do ataque, à medida que os agressores, cerca de 30, entravam no balneário "aos gritos", davam a volta à procura dos alvos, Podence sido alvo de um empurrão que o fez sentar. "Mal entraram, o William foi direto à porta e fizeram uma roda à sua volta e começaram a bater-lhe com socos e pontapés. Como tinha ligação com a claque foi ter com eles mas deu-se mal", afirmou.

Daniel Podence viu Acuna sentado a proteger-se das agressões, bem como Battaglia, viu Mário Monteiro ser atingido por uma tocha e um barril de água voar contra o Rui Patrício. O avançado admitiu que nunca tentou fugir do balneário. "Qualquer passo que desse era mais uma chance para levar", descreveu. No final, já com os agressores em fuga, Podence viu Jorge Jesus e Bas Dost feridos no corredor, este último tinha um ferimento na cabeça.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG