Protesto

"Prendam os corruptos e libertem Rui Pinto", defendeu grupo de manifestantes no Porto

"Prendam os corruptos e libertem Rui Pinto", defendeu grupo de manifestantes no Porto

Uma dezena de pessoas manifestaram-se esta tarde de sábado em frente ao Tribunal da Relação do Porto em apoio a Rui Pinto. "Prendam os corruptos", "Justiça" e "Libertem o Rui Pinto" foram algumas das faixas exibidas pelo grupo.

O protesto, marcado pelo grupo "Somos Rui Pinto", visou apelar ao combate à corrupção e à defesa do "hacker", autointitulado "denunciante", atualmente a ser julgado.

"Ele partilhou, não vendeu informação. Não quero saber como começou, quero saber como acaba", afirmou Margarida Ferreirinha, uma apoiante de Rui Pinto desde a primeira hora e que já esteve numa manifestação de apoio ao "denunciante" quando este ainda estava preso nas instalações da Polícia Judiciária, em Lisboa.

De manhã o grupo já tinha pendurado uma faixa a dizer "Free Rui Pinto", do tabuleiro inferior da Ponte Luís I que liga Porto e Gaia, a cidade natal do "denunciante". Apesar de serem poucos no protesto, a manifestante acredita que há muitas mais pessoas a torcer por Rui Pinto. "Vê-se pelas sondagens que a grande maioria dos portugueses o apoia. As pessoas estão fartas de corrupção".

Para os manifestantes, a defesa do "hacker" não pode relaxar, mesmo tendo este já chegado a um acordo com o Ministério Público que o colocou em liberdade e sob proteção das autoridades. "Depois de um ano e meio preso? A atitude do Ministério Público é indecente; mais: é assustadora. As provas valem noutros países e aqui não valem?", questiona Margarida Ferreirinha.

A manifestante faz questão de afastar as cores clubísticas e partidárias do movimento. "Isto não é um Porto-Benfica. É uma coisa mundial. No dia em que ele falar, a verdade virá ao de cima", antecipa.

PUB

Rui Pinto, criador do Football Leaks, está a ser julgado por 90 crimes, 68 de acesso indevido, 14 de violação de correspondência, seis de acesso ilegítimo e ainda por sabotagem informática à SAD do Sporting e por tentativa de extorsão.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG