Santa Maria da Feira

Prisão preventiva para assaltantes de habitações de luxo

Prisão preventiva para assaltantes de habitações de luxo

Ficam em prisão preventiva os três homens de nacionalidade croata suspeitos de vários furtos a habitações de luxo no Norte e Centro do país.

Ouvidos em tribunal, na tarde desta quarta-feira e, confrontados com diversos indícios que os ligam aos assaltos às habitações, os três homens acabariam por ver decretada a medida de coação mais gravosa.

Tinham sido detidos no passado fim de semana em consequência de uma ação levada a efeito pelo posto da Feira, sessão de investigação criminal de Aveiro, núcleo de investigação criminal (NIC) de Oliveira de Azeméis e da Feira, quando se preparavam para assaltar uma residência em Arrifana.

Para além de vários indícios de prova recolhidos aquando da detenção, incluindo material usado nos furtos e dois veículos, o NIC efetuou, ainda, mandados de busca na habitação onde estes residiam, em Ovar, e procedeu à identificação dos mesmos através de testemunhos dos lesados.

Os três homens, com idades entre os 24 e os 47 anos, dois deles pai e filho, dedicavam-se ao furto de habitações maioritariamente pertencentes a empresários e depois de estudar os hábitos dos proprietários.

Outra das técnicas passava por tocarem à campainha das habitações. Quando ninguém respondia sentiam-se mais à vontade para efetuar os furtos.

PUB

Farão parte de uma rede de assaltantes mais alargada com atuação no Norte e Centro do país, mas também noutros países da Europa.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG