Tribunal

Prisão preventiva para dois homens detidos por tráfico de droga em Mirandela e Macedo

Prisão preventiva para dois homens detidos por tráfico de droga em Mirandela e Macedo

Dois dos cinco homens detidos, na noite da passada terça-feira, pelo Núcleo de Investigação Criminal da GNR de Bragança, suspeitos do crime de tráfico de estupefacientes nos concelhos de Mirandela e Macedo de Cavaleiros, ficaram em prisão preventiva, depois de, na quinta-feira, terem sido presentes ao tribunal para determinar as medidas de coação, até à realização do julgamento.

No entanto, ficou ressalvado que ambos podem vir a passar para prisão domiciliária com vigilância eletrónica, após a verificação, por parte das autoridades, da existência de condições para a sua aplicabilidade. Os restantes três detidos ficam obrigados a apresentações às autoridades, duas vezes por semana.

Na operação em causa, que contou com a colaboração da PSP de Bragança, foram realizadas várias buscas domiciliárias, tendo uma delas acabado mesmo por se tornar viral nas redes sociais, já que aconteceu quando uma mulher estava a efetuar um vídeo em direto no Facebook. Vendia umas sapatilhas quando se ouviu um estrondo, seguido de "Polícia!".

Inicialmente, a Polícia, que divulgou o vídeo nas redes sociais, tinha indicado que estavam em causa crimes de contrafação, mas ao que o JN apurou, em causa estava esta operação relacionada com crimes de tráfico de droga, no âmbito da qual foram detidas cinco pessoas, com idades entre os 22 e os 38 anos. A mulher que protagonizava o vídeo não está entre os agora arguidos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG