O Jogo ao Vivo

Tribunal

Prisão preventiva para homem que matou ex-namorada na Maia

Prisão preventiva para homem que matou ex-namorada na Maia

O juiz de instrução criminal do Tribunal de Matosinhos decretou, esta quarta-feira, a prisão preventiva ao indivíduo, de 48 anos, que matou à facada a ex-namorada, no início desta semana, na sua casa em Nogueira da Maia.

O homem tinha sido condenado, há dias, em duas penas distintas, mas suspensas, por crimes de violência doméstica perpetrados, há anos, contra outras duas mulheres com quem manteve relacionamentos anteriores.

O crime aconteceu cerca das 19.30 horas de segunda-feira, na Rua Pátio de Almorode, em Nogueira da Maia. O presumível homicida e a vítima viveram juntos durante dois anos e separam-se na altura do Natal. Mas naquele dia Maria do Carmo Oliveira, 50 anos, aceitou deslocar-se à habitação do antigo companheiro, para conversar.

Mas o encontro acabou por degenerar em discussão e agressões. Dois filhos do agressor, de 19 e 13 anos, estavam no interior da habitação e terão assistido ao homicídio, perpetrado na cozinha. Nessa altura, o mais novo saiu de casa e procurou a ajuda de uma vizinha, Maria Vieira. A mulher que foi ama do rapaz encontrou a vítima no chão, com o ferimento de um golpe de arma branca na barriga.

"O companheiro, Sérgio, estava à porta de casa quando cheguei. Disse-me que tinha matado a namorada e que iria preso", contou, ao JN, a vizinha, que telefonou às autoridades. O homem foi detido no local.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG