Reguengos de Monsaraz

Mulher fica em preventiva após agredir vizinha com um pé-de-cabra

Mulher fica em preventiva após agredir vizinha com um pé-de-cabra

Uma mulher de 23 anos, suspeita do crime de homicídio qualificado na forma tentada, de uma vizinha de 48 anos, ficou em prisão preventiva, após ser ouvida no Tribunal de Instrução Criminal de Évora. A vítima encontra-se nos cuidados intensivos do Hospital de São José, em Lisboa.

O caso ocorreu na terça-feira de manhã na residência da vítima, na localidade de Perolivas, no concelho de Reguengos de Monsaraz.

Ao que o JN conseguiu apurar, tudo começou com uma discussão entre as duas mulheres, da qual resultaram agressões mútuas, tendo a mulher de 48 anos sido agredida com um pé-de-cabra.

De acordo com a Polícia Judiciária, a vítima sofreu "graves lesões no crânio, encontrando-se em perigo de vida", tendo sido inicialmente transportada numa ambulância para o Hospital do Espírito Santo de Évora e posteriormente num helicóptero do INEM para o Hospital de São José, onde se encontra nos cuidados intensivos, em estado crítico.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG